Publicidade

DESSERTS

Nitrogênio Líquido: A grande Inovação no Mundo do Sorvete

Fotografia K12 Advice & Entretainment

Nitrogênio Líquido: A grande Inovação no Mundo do Sorvete

Quando a maioria das pessoas pensam em nitrogênio líquido, elas provavelmente imaginam um laboratório de química cheio de cientistas. No entanto, hoje em dia, chefs e empreendedores ao redor do mundo estão criando um novo cenário para o nitrogênio líquido – a cozinha. Esse recurso curioso, porém natural, tem sido utilizado no desenvolvimento de diversos tipos de receitas, como coquetéis, pipoca e até mesmo sobremesas – especialmente as geladas. Os sorvetes feitos com nitrogênio líquido estão surgindo, e já podem ser considerados como a maior e mais interessante tendência na indústria alimentícia do momento.

Por incrível que pareça, essa grande inovação trata-se de um conceito bem simples: o nitrogênio líquido é usado para congelar a base do sorvete, criando um cremoso e suave produto final, que pode ser customizado ao gosto do cliente e que é feito instantaneamente. O nitrogênio líquido é uma versão incolor e inodora do gás nitrogênio, que é fria o suficiente para existir na forma líquida.

Quando combinado com a base de sorvete, ele atua como agente congelante e em segundos cria um sorvete mais suave que a maioria dos métodos de produção tradicionais. Sua textura se deve ao processo de congelamento, onde quanto mais rápido, menores serão as partículas de gelo existentes no sorvete.

Lojas que já comercializam esses criativos sorvetes oferecem aos seus consumidores um espetáculo à parte. Design moderno, batedeiras expostas e muita fumaça, proporcionam a sensação de um ambiente científico e futurístico enquanto cada pessoa assiste à produção de seu pedido.

Fotografia k12 Advice & Entertainment

Além de ser uma tendência completamente diferente de tudo que já se viu no mercado de sobremesas, esse conceito ainda possui outras vantagens muito competitivas na indústria de alimentação. Com a alta demanda por ingredientes frescos e naturais, a composição do sorvete feito com nitrogênio líquido tem grande poder de venda, uma vez que ela não contém conservantes, estabilizantes ou emulsificantes. Seu processo de produção adiciona ainda mais excelência ao conceito, pois favorece os consumidores em termos de customização; eles escolhem a base (normalmente a base tradicional, a base de yogurt ou a base sem açúcar), o sabor, a cobertura, os recheios e até mesmo a cor que deseja. O resultado disso tudo é um copo sorvete cremoso, fresco e customizado especialmente para cada gosto, que acompanha uma experiência tão interessante que deixa qualquer um hipnotizado.

Lojas de sorvete de nitrogênio líquido estão surgindo lentamente ao redor de todo o mundo, algumas já em funcionamento há alguns anos. Estabelecida em 2012, na Florida, a Chill-N explora ainda mais o aspecto cientifíco do negócio apresentando seu menu de sabores em forma de tabela periódica.

Com a adição divertida de seringas recheadas de cobertura, a Niice Cream que fica na Índia também já estabeleceu o seu espaço. E acredite, o conceito também já chegou ao Brasil – inaugurada em Novembro de 2014 em Maringá, interior do Paraná, a Icenow Sorvetes Artesanais afirma ser a primeira loja a introduzir o conceito dos sorvetes com nitrogênio líquido no Brasil.

Depois dela, em setembro de 2015 em Fortaleza, surgiu a N2 Ice Cream que se assemelha às duas referências internacionais mencionadas, combinando tanto o menu de tabela periódica quanto a seringa com cobertura. Algumas outras lojas também já podem ser encontradas no sul do país, como a Dr. Freeze, localizada em Curitiba e a Azato Nitro Gelato em Balneário Camboriú – que já está anunciando a abertura para franqueados.

A tendência do nitrogênio líquido parece ser um modelo de negócio viável, e apesar de exigir mão de obra dedicada em seu processo de produção, ela tem ganhado força e se expandido internacionalmente e nacionalmente. Com atmosfera inovadora, composição natural e infinitas combinações de sabores, esse é um conceito que merece ser conferido mais de perto.